Moda na Olimpíada: o que vale ouro?

moda

A moda invadiu a Olimpíada 2016. Duvida? Quer prova maior do que a presença de Gisele Bündchen com um vestido exuberante de Alexandre Herchcovitch desfilando ao som de Tom Jobim em plena cerimônia de abertura? Pois é. Para acompanhar o ritmo das competições, mais do que estar na moda, é preciso se atentar a alguns quesitos, como conforto e proteção a altas temperaturas. Afinal, mesmo no inverno, o sol no Rio de Janeiro é personagem constante. Pensando nisso, saímos pela Vila Olímpica e pelos jogos para saber o quais são os queridinhos da moda durante esses 15 dias.

Além do ouro

Tais Rochel - Equipe de Esgrima
Tais Rochel – Equipe de Esgrima

Cores. Seja por meio de pinturas no rosto, acessórios ou do vestuário, os visitantes olímpicos investiram nelas para mostrar a sua torcida de um jeito contemporâneo e extrovertido. Assim, frequentemente podemos encontrar pessoas utilizando as cores das bandeiras de seus países em adereços para o cabelo, camisetas, sombras e esmaltes.

Aqui, mais do que torcer, o importante é mostrar para quem estamos torcendo, de qualquer forma. Que o diga o menino que declarou seu amor à seleção feminina – em especial à Marta – com uma camisa da seleção brasileira masculina de futebol com o nome do Neymar riscado e sendo substituído pelo nome da Marta escrito a mão.

Acessórios

Dias de muito sol acompanhados de dias de muito vento e garoa fina. Como se preparar para tantas oscilações sem sair da moda? Bem, quem frequentou esta Olimpíada mostrou que há jeito para tudo. Muitas bandeiras dos países, por exemplo, viraram echarpes charmosas que protegiam ora do sol, ora do vento e chuva.

Bonés e chapéus também foram acessórios que transcenderam o quesito moda e serviram como uma ótima alternativa para acompanhar os jogos com conforto e de uma maneira fashion. Os óculos escuros foram igualmente uma ótima pedida para quem quis acompanhar as competições, sobretudo aquelas que aconteciam outdoor, como vôlei de praia e as provas aquáticas.

Conforto

Tais Rochel - Equipe de Esgrima
Tais Rochel – Equipe de Esgrima

Malhas mais finas em camisetas e vestidos, regatas, tops, chinelos, sandálias, shorts e bermudas fizeram parte do uniforme dos visitantes da Rio 2016. Afinal, são várias competições paralelas, em diferentes distâncias e com filas consideráveis. Assim, a palavra da vez era conforto para aguentar esta maratona.

Moda oficial

Além da moda feita pelos próprios visitantes, os responsáveis pela Rio 2016 lançaram um site oficial com produtos que, de acordo com os organizadores, são considerados fashion. Vale a pena conferir.

Moda olímpica

Engana-se quem acha que a moda está apenas fora das quadras. Tirando um componente da delegação de Tonga que chamou a atenção pela falta de roupa na abertura da Rio 2016, as demais delegações deram um show de elegância e beleza não apenas na cerimônia, como também durante as competições.  Aqui você pode ver quais estilistas foram responsáveis por cada uniforme.

E você? O que vestiu para torcer pelo Brasil? Envie sua foto para a gente!

olimp02

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>